quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Trabalhando a abertura


Você já pensou na posição que terá que ficar para ganhar seu bebê se for tê-lo de parto normal?
É isso mesmo, aquela posiçãozinha desagradável, de abertura rsrsrsr

Agora pense:  se você é uma mulher sedentária, que nunca pensou em trabalhar seu corpo para se preparar para o parto? com certeza todo o processo será muito mais difícil e muito mais cansativo.

Muitos podem dizer: mas o parto é algo tão natural, sempre fez parte da história da Humanidade, afinal o Mundo está tão cheio de gente, ou seja, os bebês nascem e pronto......Isso não deixa de ser verdade, mas devemos lembrar que o mundo está cada vez mais automatizado, mais tecnológico e, consequentemente, mais sedentário. Não podemos comparar nossa realidade com a de nossas avós......Quantas não são as mulheres modernas que passam quase que o dia todo sentadas, seja no escritório ou no carro? Talvez por isso estejamos vendo a banalização das cesáreas.

As mulheres não estão mais querendo encarar a dor e o processo do trabalho de parto. as causas são muitas, não vou ficar falando aqui, mas uma delas pode ser a falta de conhecimento e preparo do próprio corpo. Se você não conhece seu corpo como vai controlá-lo num período de estresse, que é o trabalho de parto?

Por isso estou colocando esses vídeos aos poucos aqui no Blog...é uma forma de passar um pouco de conhecimento.

Hoje vou postar um bem fácil, que além de relaxar e favorecer o retorno venoso pela posição, ainda trabalha a abertura das pernas, que vai ser bastante necessária para o nascimento.
Espero que gostem!!!!

video

Deitada, apoie seus pés numa bola de pilates. Inspire e traga suas pernas em direção ao peito abrindo seus joelhos para fora, para facilitar a abertura das coxas. Na expiração retorne as pernas esticando-as e levando a bola para frente. Faça também um movimento de flexão/extensão dos tornozelos, ajudando no "bombeamento" do sangue. no final do dia isso pode ser uma boa estratégia para reduzir o edema e o cansaço das pernas.


Agora, se você não tem bola, veja este vídeo:

video

Deitada, traga suas pernas em direção ao peito afastando os joelho e tentando pegar os pés. Você vai ficar em posição de borboleta. Permaneça aí um pouco, respirando e percebendo qual musculatura está trabalhando. Depois, se quiser incrementar leve uma das pernas para o lado, esticando o joelho, segurando-a pela parte interna da coxa. Fique algumas respirações, retorne e repita para o outro lado.
Se você estiver com lombalgia pode ser que esse exercício seja desconfortável.

LEMBRETE: nas posturas que chamamos de decúbito dorsal, ou seja, deitada de barriga para cima, principalmente no último trimestre de gravidez, as mulheres podem sentir tontura, vertigem, sudorese.....isso porque pode estar havendo compressão da veia cava pelo útero. se vc sentir qualquer desconforto desse tipo para imediatamente e deite para o lado esquerdo do corpo, para facilitar a circulação.

bom trabalho!!!